No mês de julho, ‘Black Friday dos bebês’ terá sua 7ª edição

Em tempos de isolamento social, a liquidação de artigos para bebê é a principal opção de consumo com segurança garantida nas melhores marcas e lojas da internet

Começou o mês de férias e com ele, mais uma edição da famosa Black Friday dos bebês. Devido ao grande aumento de consumo pela internet, causados pelo vírus Covid-19, muitas empresas estão aproveitando esse momento de adaptação para fornecer descontos e promoções para seus consumidores através das plataformas online. Com grande foco no público de gestantes e pais, acontecerá a 7ª edição da Black Fralda, de 13 a 19 de julho de 2020, onde marcas e lojas se reúnem para oferecer os melhores preços em fraldas e produtos para bebês.

No Brasil, segundo dados do IBGE, estima-se que um bebê precisa de mais de 2.000 mil fraldas apenas em seu primeiro ano de vida, o que significa que os papais gastam, em média, algo em torno de R$2.500 a R$3.000 reais do orçamento somente em fraldas, sem considerar outros produtos que o bebê necessita ao longo do ano, como: roupas, alimentos e artigos de higiene.

Por isso, os papais e mamães costumam pesquisar bastante antes de adquirir produtos, levando em consideração seu valor e a demanda, o que ajudou Black Fralda (www.blackfralda.com.br) em seu enorme sucesso alcançado em todas as seis edições anteriores, desde o lançamento da campanha em 2018.

A ação se consolidou como uma adaptação ao mundo infantil da Black Friday, conhecida a última sexta-feira de novembro que oferece descontos únicos em eletrônicos e outros produtos.

Durante a semana da Black Fralda, o site reúne algumas das maiores lojas da internet, principais fabricantes de fraldas e produtos infantis que juntos prometem oferecer amplo sortimento de produtos com condições de compra durante uma semana.

Além de fraldas, as empresas também oferecem descontos nos setores de: alimentos, acessórios, brinquedos, artigos de higiene e muito mais. Algumas marcas já estão confirmadas, entre elas: Huggies, Magazine Luiza, Pom Pom, Baby Sec, O Boticário, Americanas, entre outras grandes lojas da internet.

Nesta edição, os cuidados com as entregas serão redobrados e seguirá todas as medidas de segurança da OMS (Organização Mundial da Saúde), para garantir que todas as compras online sejam entregues com qualidade e segurança para todos os participantes.

Assim como nas edições anteriores da Black Fralda, parte das vendas realizadas será doada para uma instituição filantrópica. Nas três edições de 2020, será beneficiada a Fundação Abrinq que, desde 1990, atua para que crianças e adolescentes, de todo o Brasil, tenham acesso a direitos fundamentais como educação, saúde e proteção contra a violência, o trabalho infantil e diferentes tipos de fragilidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *